10 dicas para uma dieta saudável na gravidez

A gravidez é uma das fases mais importantes na vida da mulher, não só pelo que experimenta a mãe, mas também, porque envolve o cuidar, o desenvolvimento e a saúde de uma criança no mesmo corpo.

Então, tanto para a mulher grávida quanto para o bebê na gestação, a dieta cobra grande importância.

10 dicas para uma dieta saudável na gravidez:

    • Cuidar da qualidade sobre a quantidade: lembre-se que a gravidez não é o momento para perder peso, nem para mantê-lo, não é que devemos comer por dois, mas se você comer o mais saudável e nutritivo possível, consumindo com moderação, as gorduras saturadas e trans, bem como açúcares simples e priorizando a ingestão de alimentos nutritivos: cereais integrais, legumes, frutas, legumes, carnes magras, laticínios baixos em gorduras e outras.
    • Dieta fracionada: consumir pequenos volumes de comida entre 5 e 6 vezes ao dia favorece a digestão e evita a monotonia, a acidez e o inchaço típico da gravidez. Devem-Se evitar as refeições pesadas e mais bem consumir de forma mais fracionada em nossa dieta.
    • Nutrientes que não podem faltar: alguns minerais como o ferro, cálcio e iodo são essenciais na dieta da grávida, assim como os ácidos graxos ômega 3 e vitaminas como o ácido fólico. Tudo isto favorecerá o desenvolvimento saudável do bebê.
    • Hidratação suficiente: para evitar a retenção de líquidos, controlar a prisão de ventre e favorecer a digestão, a hidratação deve ser adequada, ou seja, você deve beber entre 2 e 3 litros de líquidos por dia, que não possuam açúcar ou de álcool, na medida do possível. A melhor bebida sempre será a água.
    • Escolher corretamente o peixe: o peixe deve estar presente na dieta da grávida porque é fonte de gorduras saudáveis, ferro e proteínas, no entanto, alguns peixes que contêm grande quantidade de mercúrio, como o atum, peixe-espada, tubarão ou o imperador não são recomendadas durante a gravidez, assim como o peixe cru (sushi, sashimi, etc.). Portanto, escolha adequadamente entre atum branco, salmão, pescada, linguado, sardinha, entre outros.

 

  • Controlar o método de cozimento: cozinhar adequadamente os ovos e lavar bem as verduras é fundamental para evitar contaminação com bactérias. Ao mesmo tempo, deve-se controlar o método de cozimento para não adicionar gorduras em excesso para as refeições, bem como para não perder muitos minerais ou vitaminas ao cozinhar. Então, verduras, legumes melhor ao vapor, as carnes grelhadas ou ao forno e com baixa frequência de uma fritura bem realizada.
  • Tempero das refeições: os condimentos podem ser uma boa forma de dar sabor aos pratos e, ao mesmo tempo, de reduzir a adição de sal, que favorece a retenção de líquidos, podemos usar todo o tipo de especiarias e ervas, e no caso das saladas, é preferível usar limão em vez de vinagre para obter um extra de vitamina C.
  • 5 porções de frutas e legumes: diariamente devemos garantir a ingestão de frutas e legumes em quantidades suficientes, sendo o mais adequado uma variedade de cores com as mesmas, pois desta forma estaremos garantindo uma diversidade de vitaminas, minerais e antioxidantes que ajudam a uma boa dieta durante a gravidez.
  • Alimentos a evitar: não se deve consumir álcool na gravidez, mesmo em pequenas proporções. Além disso, alimentos a evitar na dieta da grávida são produtos de pastelaria, refrigerantes, salgadinhos comerciais, fast-food e preelaborada, porque são precisamente os que mais gorduras trans e açúcares apresentam.
  • Começar antes da gravidez e continuar depois: manter uma dieta saudável prévio à gravidez condiciona o corpo da mulher e sua saúde, preparando-o adequadamente para a gestação. Além disso, continuar com uma dieta saudável após o parto, favorece a perda de peso, promove a saúde da mãe e favorece a nutrição da criança durante a amamentação.

A alimentação pode ser um veículo de nutrientes e substâncias saudáveis para favorecer a gravidez, mas, ao mesmo tempo, pode ser um veículo de poluentes e tóxicos, por isso, siga estas 10 dicas para conseguir uma dieta saudável durante a gravidez e você terá uma grande variedade de nutrientes e benefícios através das refeições.

Via | Bebês e Mais
Imagem | D:space e o5com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *